segunda-feira, 3 de maio de 2010

Mucá Pae Oreiá - O Olhar Além do Olhar

Leandro Altheman


Desconhecida da maior parte das pessoas, o Mucá, começa a ser revelado. Ou melhor, começa a se revelar, pelo que creio, seja sua própria vontade. Trata-se da planta mais sagrada do povo Yawanawá.

Diferentemente da ayahuasca, o mucá não promove as visões amplamente conhecidas por "mirações".

Mas é aos pés do mucá ou rarê, que aqueles que decidem tornarem-se os sábios de seu povo, fazem o seu juramento. Seu poder é manifesto através de sonhos muito lúcidos e seu efeito é percebido não em 4 horas de miração, mas em alguns anos para que de forma lenta e gradual, traga maturidade ao pensamento, e aos sentimentos.

Nuke Shinã Oreiá

Além do nosso pensamento. Esta seria uma tradução aproximada da frase dita pelo pajé, ou mais precisamente, Shuintya (Mestre, orador) quando ele dá o mucá para alguém. No entanto a palavra shinã é mais ampla do que pensamento apenas, ela designa também sentimento e o próprio coração também é shinã, ou shinã raká - aquele que distribui o pensamento/sentimento. Coração também é uinti , palavra que pode designar também visão. Ainda que anatomicamente o coração tenha pouco a ver com a visão, do ponto de vista espiritual e simbólico, quem realmente tem o poder de enxergar é o coração. Veru é olhar, mas também pode designar a alma, espírito ou essência (dos vivos). É algo que os discipulos do mucá tem que aprender e que mais adiante vou explicar a relação entre cada um deles.

Durante o Samakae (dieta de formação) ensina-se sobre o pensamento além do pensamento e o olhar além do olhar. Um pensamento capaz de transformar a própria realidade, por estar plantado além do pensamento comum, ordinário. Do mesmo, modo, o olhar além do olhar é uma forma de responder, não às consequências do nosso mundo visível, mas dialogar com o abstrato e invisível que anima e dá forma, conteúdo e concretude ao mundo visível. Nele, uma confiança depositada no âmago, não apenas de uma planta, mas através dela, pois além está o poder superior que ela, como ponte, manifesta. Temos em nossa língua uma palavra que muito se aproxima deste conceito: Fé.

*Trata-se de uma raíz que somente olhos muito bem treinados são capazes de identificar em meio à floresta. Antes que alguém se aventure a buscá-la, aguarde nas próximas postagens quando escreverei sobre os seus riscos, que não são pequenos.

Um comentário:

  1. Estou curiosíssima!
    Bjs da Mônica de Curitiba

    ResponderExcluir